20 de outubro de 2021

Bahia Política

Sem Meias Verdades

Inscrições do VI Concurso para Escritores Escolares se encerram neste domingo

[ad_1]

Foto: Divulgação

O prazo para as inscrições do VI Concurso para Escritores Escolares se encerra neste domingo (28). Todos os estudantes matriculados regularmente em escolas públicas e privadas do estado da Bahia podem se inscrever com textos de poesia e prosa. Promovido pela Fundação Pedro Calmon (FPC/SecultBA), através da Diretoria do Livro e Leitura (DLL), o projeto tem a parceria da Secretaria de Educação do Estado (SEC).

Com a parceria da FPC com a SEC, o VI Concurso pode ser curricularizado, sendo certificado como Atividades Curriculares Complementares (ACC’s) válido 2020/2021, instituído na rede estadual de educação da Bahia. “As atividades culturais e artísticas tendem a serem prazerosas, divertidas e socializantes, e tendem a tornar mais agradável o ambiente escolar ao aproximar as pessoas pelo lúdico e pela criatividade”, conclui Armando Almeida, diretor da DLL.

A estudante Kelly Satiro tinha 15 anos e estava no 9° ano quando ganhou o prêmio em 2019. Hoje com 17, ela afirma que participar do Concurso foi uma experiência incrível. “Além de dar oportunidade para novos talentos e estimular os estudantes a liberarem seus lados criativos, o concurso também incentiva os jovens a investirem cada vez mais na escrita que infelizmente vem sendo desvalorizada”.

Inscrição – O prazo de inscrição encerra no dia 26 de setembro. Para quem é aluno da rede estadual de ensino, a inscrição pode ser feita na própria escola. Para os demais alunos, a inscrição pode ser feita através do formulário no site da Fundação Pedro Calmon e Secretaria de Educação (clique aqui). Cada estudante poderá se inscrever em apenas uma das categorias – poesia ou prosa – sendo temática livre e de escolha exclusiva do estudante e caso seja menor de 18 anos, a inscrição deve ser acompanhada da autorização dos responsáveis. Quaisquer dúvidas e esclarecimentos adicionais deverão ser enviados ao e-mail: concurso.escritores@fpc.ba.gov.br.

Seleção – Na rede pública, os melhores classificados em cada unidade serão avaliados por uma comissão formada pelos Núcleos Territoriais de Educação (NTEs). Dos NTEs saem os selecionados por uma comissão formada pela SEC e FPC. Os demais estudantes serão diretamente selecionados pela comissão organizada e coordenada pela Fundação e em ambos os casos serão avaliadas a criatividade, coerência, adequação e estruturação do texto, assim como, clareza e a inovação linguística.

Premiação – Ao todo, serão 18 premiados nas duas categorias de prosa e poesia. Em ambos casos, o primeiro lugar recebe um notebook mais kit com 30 livros; o segundo lugar um tablet mais kit com 30 livros e o terceiro lugar um leitor de e-book mais kit com 30 livros. Os livros que integram os ‘kits’ serão selecionados pela Fundação Pedro Calmon e a cerimônia de premiação acontecerá em formato virtual.

Fonte: Ascom/Fundação Pedro Calmon (FPC)

[ad_2]

Source link

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
WhatsApp