28 de novembro de 2021

Bahia Política

Sem Meias Verdades

Prefeito de São Gonçalo condiciona coleta de lixo a entrega de suspeito

Foto; reprodução (Jornal Grande Bahia)

O prefeito de São Gonçalo dos Campos, Tarcísio Pedreira, suspendeu a coleta de lixo no município desde a última quinta-feira (21), após um funcionário da empresa que faz o serviço de limpeza na cidade morrer, em um trecho da BA-502, ao ter caído de uma caminhonete.

A vítima foi identificada como Vanderlei Hilario da Costa e estava na caçamba do veículo junto com outros trabalhadores da empresa Frei Galvão. O acidente aconteceu na tarde de quinta e o suspeito de conduzir o veículo seria o filho do proprietário, que estava carregando fardos de capim para a alimentação de animais. Tanto o carro quanto o acusado não foram encontrados pela polícia.

A gestão municipal condicionou o retorno do serviço a apresentação do suspeito à Polícia Civil. “Contamos com a compreensão de toda a população da cidade, mas essa medida é justamente para que a verdade apareça, pois é dever da gestão municipal trabalhar sempre com seriedade, transparência e respeito ao seu povo”, se posicionou a prefeitura através de nota.

Publicidade

Segundo o Tarcísio Pedreira, que realizou uma live para falar sobre o assunto neste sábado (23), a decisão foi tomada para que seja feita uma pressão em prol da resolução do caso.

“Não posso ser insensível com a morte de uma pessoa vestida com a farda de uma empresa que presta serviços ao município, que não tem responsabilidade legal sobre aquele acidente, porque ele prestava serviços particulares para o filho do dono, levando capim para alimentar animais”, argumentou o prefeito.

Para Tarcísio, devido as dimensões de São Gonçalo dos Campos, o lixo sem recolher é um problema “muito sério”, mas seria “um detalhe quando se trata da morte de uma pessoa”.

Durante a live, o gestor disse ainda que convocou voluntários para que fizessem uma coleta “improvisada” na manhã deste domingo (24). “Não será uma coleta ideal porque não temos caminhões compactadores. Peço que produzam menos lixo, nos ajudem, porque eu não vou voltar atrás”, completou. (Bahia Notícias)

Baixe nosso aplicativo
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
WhatsApp