23 de outubro de 2021

Bahia Política

Sem Meias Verdades

Terceiro LIRAa de 2021 aponta baixo risco de infestação pelo aedes aegypti em Catu

Divulgação (PMC)

A Vigilância Epidemiológica da Prefeitura de Catu, realizou no mês de setembro, o terceiro Levantamento de Índice Rápido de Infestação do Aedes aegypti (LIRAa) de 2021. O resultado indica situação de baixo risco em Catu.

Baixe nosso aplicativo

De acordo com a Coordenadora do programa, Queila Paixão, o trabalho foi realizado entre os dias 13 a 17 de setembro. Ao todo, foram 982 imóveis visitados.

Mesmo com resultado considerado satisfatório, a Secretaria de Saúde alerta para os cuidados que precisam ser mantidos, a fim de evitar a proliferação do mosquito Aedes Aegypti, principal transmissor dos vírus da dengue, zika e chikungunya.

Publicidade

Pessoas com sintomas de uma das doenças devem procurar a Unidade de Saúde em casos suspeitos. Dentre os objetos que servem de foco estão as caixas de água ligadas à rede; lixos recicláveis, como plásticos e latas; pneus e outros materiais rodantes; bebedouros; vasos e lajes. (Ascom)

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
WhatsApp