17 de agosto de 2022

Bahia Política

Sem Meias Verdades

Cesar do Pão diz que existem chances reais de ser eleito deputado

Cesar do Pão diz que existem chances reais de ser eleito deputado

Foto; Boca de Forno News

O ex-vereador e pré-candidato a deputado estadual pela cidade de Santo Amaro, Júlio Cesar de Jesus Pinho, mais conhecido como Cesar do Pão, falou sobre sua mudança de partido. Cesar estava no Republicanos e foi para o Solidariedade. “Mudei pensando no povo de Santo Amaro. Achei propostas para me filiar ao União Brasil, do próprio presidente do Republicanos para continuar no partido, mas escolhi o Solidariedade por uma questão íntima com o povo santamarense. Essa será o partido na eleição de 2022 na Bahia que elegerá um deputado estadual com menos votos”, afirmou.

Cesar lembra que já fazem 30 anos que Santo Amaro elegeu pela última vez um deputado estadual. O último foi Raimundo Pimenta. “O Solidariedade elegerá um deputado com 25 a 30 mil votos. Vejo nisso uma possibilidade, se o povo santamarense usar a inteligência que eu sei que tem, de eleger um deputado estadual filho da terra. Que não façamos como foi feito em 2018, quando a nossa população infelizmente votou em 324 candidatos a deputado estadual e dos 63 deputados eleitos, 61 foram eleitos com voto do povo de Santo Amaro, mas nenhum fez nada a altura de Santo Amaro”.

Cesar ainda pediu que mostrassem a ele um desses deputados que foram eleitos com voto em Santo Amaro e que tem um trabalho relevante na cidade a altura do seu povo. “Eu desconheço. Eu sei que alguém fez alguma coisa, mas a altura do povo santamarense, não”.

A cidade tem ainda mais dois pré-candidatos a deputados estaduais: o ex-prefeito Ricardo Machado e a ex-primeira-dama do município, Aninha Melo, sua candidata a vice quando tentou ser prefeito da cidade. Questionado sobre se não achava que isso dividiria os votos na cidade, Cesar disse que não iria ficar pensando em seus adversários. “Se eu ficar pensando neles, não vou andar. Tenho que pensar que o povo santamarense é inteligente, que vai analisar que Cesar do Pão está em um partido que tem a possibilidade real de eleição”.

Ele admite que o Solidariedade é um partido que tem poucos recursos de fundo partidário, mas que não visualizou essa questão. “Visualizei a questão que já falei antes, de o povo santamarense ser inteligente neste momento. Eu sei que ele é a vida toda, mas em certos momentos parece que dá um branco e o povo não enxerga a realidade. Que o povo enxergue em Cesar do Pão um candidato viável com chances reais de ser eleito a deputado estadual pela Bahia e principalmente para representar Santo Amaro”.

Para o ex-vereador, Santo Amaro tem capacidade de ter o seu deputado filho da terra, somando-se dentro da cidade uma grande votação e mais votos pela região e nos outros municípios com a eleição que acontece na Bahia. Na eleição de 2018, Cesar teve em Santo Amaro mais de 6500 votos e fora de Santo Amaro 3500 votos. “Por onde eu andei na eleição passada mantive contato com as pessoas e tenho sim andado por Salvador, Feira de Santana, a região aqui do recôncavo, Cachoeira, Santo Antônio de Jesus, Conceição do Almeida. Nós temos sim contato de outras regiões”

O pré-candidato disse ainda que o deputado que irá fazer a parceria para a federal também o ajudará. “Farei a campanha para ele aqui e ele me ajudará em outros municípios para poder somar com a com os votos de Santo Amaro”.

ACM Neto

O Solidariedade já está apoiando o pré-candidato Luiz Inácio Lula da Silva. Há também a possibilidade de apoiar aqui na Bahia o pré-candidato pelo PT, Jerônimo Rodrigues. Cesar se diz apoiador de ACM Neto. Mesmo com essa questão partidária, ele garante que vai continuar apoiando quem apoiou a vida toda, ACM Neto. “Se chegar uma situação do partido não me dar legenda pela a minha posição política, não vou poder fazer nada. Tenho convicção que ACM Neto é o melhor nome para poder governar o nosso estado”.

Ele diz que se não houver nenhuma restrição quanto a isso, será ACM Neto, e se houver, será ACM Neto da mesma forma. “Eu não vou ser obrigado a apoiar quem eu não quero apoiar. O partido eu uso para poder disputar a eleição porque eu preciso ter um número registrado para poder chegar na urna as pessoas votarem. Não sigo partido por ideologia política. Eu tenho os meus pensamentos, minhas ideias e sigo a minha cabeça. Ninguém vai me doutrinar quanto aquilo que eu acho que é certo ou errado”. Ele garante que seguirá apoiando ACM Neto para governador da Bahia mesmo se o Solidariedade fechar com o candidato do PT.

Ele disse ainda que não teve nenhuma conversa com o diretório estadual da parte porque primeiramente o partido declarou apoio a Neto e ele está ouvindo conversas pela imprensa de que pode haver um rompimento com o ex-prefeito de Salvador para dar apoio ao candidato do PT. “Se por acaso acontecer esse rompimento com o Neto, o apoio se dirigir a Jerônimo e eu for procurado pelo partido, estarei pronto para poder conversar. Vou continuar seguindo com o posicionamento que eu sempre tive de saber o que é melhor para a minha terra e o melhor para a Bahia”.

Câmara de Santo Amaro

Questionado sobre qual a avaliação que faz da atual Câmara de Vereadores de Santo Amaro, Cesar do Pão, que já foi vereador por quatro vezes consecutivas na cidade, disse que os 15 foram eleitos pelo povo santamarense e deve representar os eleitores de Santo Amaro. “Quando fui eleito vereador, honrei e dignifiquei a confiança do povo”.

Em 2024, ele lembra que a cidade terá novamente eleição para prefeito e vereadores. Ele pede que aqueles com os quais as pessoas não se identificaram, que não cumpriram com suas obrigações, que não fizeram o que deveria ter sido feito, o povo, no momento do voto, mudar para poder melhorar a Câmara de Vereadores. “Quem está lá representa quem votou. Esse é o eleitorado que está sendo representado pelos vereadores hoje na Câmara Municipal de Santa Amaro. Eu, por ter cumprido com minhas obrigações, por ter cumprido com o meu dever, mereci por quatro vezes consecutivas ser reeleito”.

Ele pediu ainda a população converse com seus vereadores aquilo que não está sendo feito, o que ela acha que deve ser feito e que, através das votações de projetos, requerimentos na Câmara, se mude o que está acontecendo na cidade.

Greve dos professores

A justiça determinou que os professores da cidade de Santo Amaro, que estão em greve, retornassem à sala de aula porque município alegou que não tem condições financeiras no momento de atender o pleito deles. Cesar disse que se o Tribunal de Justiça fizesse uma pesquisa do que foi arrecadado pelo município, precisamente no ano 2021, iria chegar à conclusão de que o que foi dito pelo governo, de que houve uma queda de arrecadação, não é verdade.

“Aproveito o momento para me solidarizar com os professores, com todo funcionalismo público do nosso município que mais uma vez continua sofrendo com gestões desastrosas, desumanas, que não os tratam com carinho, amor e, acima de tudo, com respeito. Uma administração que não trata o professor com respeito, profissional que forma pessoas, vai tratar quem?”

Cesar disse que no ano de 2021, o Governo Federal transferiu para o município R$ 46.300.000,00 milhões. No ano anterior, foram repassados R$ 40.600.00,00 pelo FUNDEB. “O que eu quero dizer com isso é que de 2020 para 2021 houve um aumento no repasse de R$ 5.700.000,00, ao contrário do que foi dito pela gestão de que houve queda de arrecadação”.

Ele diz ainda que hoje, a cidade de Santo Amaro arrecada em torno de R$ 800 mil a mais por mês do que arrecadava a gestão passada. “Nesses 16 meses do governo atual já foram arrecadados em torno de R$ 66 milhões só do FUNDEB. Com maio findando, chega-se tranquilamente a R$ 70 milhões só de FUNDEB”, finalizou. (Boca de Forno News)