empate entre Cuiabá e Paraná mantém Chapecoense na ponta


O empate por 3 a 3 entre Cuiabá e Paraná, nesta quarta-feira (21), na Arena Pantanal, foi comemorado pela Chapecoense. Após golear a Ponte Preta por 5 a 0 em Campinas (SP), na terça-feira (20), o Verdão do Oeste dependia de um tropeço do Dourado para continuar na liderança da Série B do Campeonato Brasileiro. Chape e Cuiabá somam os mesmos 33 pontos, mas o time catarinense, com um jogo a menos, fica na frente pelo saldo de gols (13 a 5).

O volante Matheus Barbosa, após cobrança de escanteio do meia Elvis, colocou o Cuiabá à frente do Paraná, aos 12 minutos. Aos 33, o atacante Bruno Gomes, de fora da área, deixou tudo igual. No segundo tempo, foram quatro gols em 20 minutos. Aos três, o lateral Jean Victor cobrou falta e virou para o Tricolor. No lance seguinte, o atacante Maxwell empatou para o Dourado, que virou aos 15 com o também atacante Elton. Mas, cinco minutos depois, o atacante Guilherme Biteco, de voleio, igualou o marcador mais uma vez.

Apesar do ponto somado na Arena Pantanal, o Paraná (que não vence há sete jogos) desceu uma posição e ocupa o sétimo lugar. Isso porque o Confiança superou o Sampaio Corrêa no Castelão, em São Luís, por 3 a 1. Os atacantes Reis e Renan Gorne e o zagueiro Vinícius Simon abriram vantagem para o Dragão, enquanto o atacante Caio Dantas, já no fim da partida, descontou para a Bolívia Querida.

O Confiança chegou a seis jogos de invencibilidade e foi aos mesmos 25 pontos do Paraná, tomando o sexto lugar pelo saldo de gols (três a um). Recém-promovido à Série B, o time sergipano está a dois pontos da Ponte Preta, quarta colocada e última equipe no G-4, que dá vaga à Série A do Brasileiro. Já o Sampaio, que não perdia havia seis confrontos, caiu para a 12ª posição, com 21 pontos.

Na parte de baixo da tabela, o Figueirense respirou ao vencer o CRB no Orlando Scarpelli, em Florianópolis, por 2 a 0, com gols do atacante Alecsandro e do zagueiro Paulo Ricardo. Com o triunfo, o Alvinegro deixou, temporariamente, a zona de rebaixamento, assumindo o 16º lugar, com 18 pontos. Para continuar fora do Z-4, o time catarinense torce por um tropeço do Guarani, que enfrenta o Vitória na quinta-feira (22), às 21h30. O Bugre tem um ponto a menos. A equipe alagoana caiu para 10º, com 23 pontos.

Confira a classificação da Série B do Campeonato Brasileiro.





Fonte