24 de fevereiro de 2024

Bahia Política

Sem meias verdades

Camaçari: Investimentos na cultura são destaques no setor em 2023

Foto; PMC

O investimento na cultura do município tem sido uma prioridade da Prefeitura de Camaçari que, através da Secretaria da Cultura (Secult) tem realizado uma série de ações no setor. Em 2023, diversas iniciativas foram promovidas, como eventos artísticos e oferta de cursos, com destaque para o lançamento de editais, a entrega de equipamento cultural e a requalificação de espaços.

Com a proposta de ofertar um ambiente mais acolhedor para alunos, pais, servidores e todos que frequentam os diversos ambientes da Cidade do Saber – considerado um dos maiores centros de inclusão social da América Latina –, foram iniciadas em novembro as obras no complexo. As intervenções, realizadas em uma área total construída de 10.534,33 metros quadrados (m²), atenderão os serviços com adequação, recuperação e requalificação dos espaços.

Os munícipes receberam em outubro o novo Arquivo Histórico de Camaçari, órgão de custódia dos documentos da Administração Pública Municipal, que desempenha um papel fundamental na organização e preservação dos registros e promove o acesso e o uso da informação à população através da pesquisa, tendo como primazia a preservação da história e a memória do município, que passou a integrar o Centro Antigo da cidade.

O ano de 2023 representou um marco para a história de Camaçari, pois, pela primeira vez, o município recebeu a passagem do fogo simbólico em celebração ao bicentenário da Independência do Brasil na Bahia, integrando o roteiro do Recôncavo Norte. O evento, realizado em julho, reuniu atletas, atrações culturais e ato cívico, sendo um reconhecimento à participação das pessoas que viviam nas batalhas e lutaram contra a invasão da Coroa portuguesa e pela libertação do povo brasileiro.

Editais – O lançamento dos comunicados são uma das prioridades da Secult para o fomento das iniciativas artísticas no município e valorização dos agentes culturais. Em maio, foi aberta a 2ª edição do edital de credenciamento Cidade Cultural, que possibilita a artistas e grupos estarem aptos a realizar apresentações em equipamentos e eventos da prefeitura.

Em agosto, foi lançada a 2ª edição do edital Evandro Amaro, voltado para fanfarras, bandas marciais, filarmônicas e orquestras com o desenvolvimento de educação musical nas escolas municipais, equipamentos culturais e associações. A iniciativa selecionou dez projetos, totalizando R$ 1 milhão em investimentos.

Até novembro, estavam abertas as inscrições para o edital Oficineiros, credenciamento para formação de um banco de profissionais com experiência técnica na área cultural para oferta de capacitação em atividades culturais como instrutores.

No mesmo mês, foi iniciado o lançamento dos certames com aplicação dos recursos da Lei Paulo Gustavo (LPG) no município: edital de fomento Camaçari Audiovisual e a 3ª Edição do Prêmio Mestras e Mestres da Cultura de Camaçari. Em breve, ainda serão abertos o Camaçari Criativa e o Bolsa Cultura.

Eventos culturais – Iniciando as ações de 2023, no dia 6 de janeiro foi realizado, com apoio da Secult, o Terno de Reis, manifestação tradicional na localidade de Barra do Pojuca. No começo do ano também teve destaque a retomada da realização das lavagens na costa, que reuniu mais de 30 atrações culturais em Barra do Pojuca, Monte Gordo, Jauá e Arembepe, além da participação de alunos dos equipamentos da Secult.

De volta ao calendário de eventos, a Feira Pôr do Sol foi promovida em janeiro em Guarajuba e Arembepe, e, entre os atrativos, contou com apresentações artísticas promovidas pela secretaria. Em 2 de fevereiro, aconteceu o cortejo ao Dia de Iemanjá; em março, o Sarau Cultural comemorando o Dia Nacional do Poeta; e em abril, foi realizado, em Vila de Abrantes, o espetáculo A Paixão de Cristo, momento especial que reuniu centenas de pessoas em celebração à Semana Santa.

Durante os festejos juninos, a tradicional Vila da Cultura contou com ampla programação no Espaço Camaçari 2000, com 20 atrações musicais, além do Festival de Quadrilhas Juninas, exposição e espaços especiais. Em setembro, os desfiles cívicos – em comemoração à Independência do Brasil e aos 265 anos de emancipação política de Camaçari, realizados nos dias 7, 16, 24 e 28 – contaram com ampla participação da Secult, através da animação de oito bandas marciais e fanfarras, e 25 grupos culturais, além de alunos dos equipamentos geridos pela pasta.

Ao longo de 2023, o Teatro Cidade do Saber (TCS) foi palco para 76 eventos culturais, com destaque para os concertos das orquestras Caraípa e Juvenil de Camaçari (OJUCA); a 16ª edição do Festival Nacional de Dança – Ballace, evento que se consolida como uma das mais importantes mostras competitivas de dança do país; e espetáculos de comédia e shows musicais. Além disso, o espaço recebeu duas exposições artísticas, 36 atividades institucionais e 27 particulares. Durante o ano, o equipamento contou com 68.240 espectadores.

Faça parte do nosso grupo no WhatsApp (Clique aqui)

Já o Teatro Alberto Martins (TAM) atendeu 99 solicitações de eventos, como ações institucionais e educacionais, além de 17 atividades artísticas. Entre os destaques estão aulões de zumba e os eventos Alberto ao Reggae e Alberto InCena, todos promovidos pela Secult, e ainda espetáculos, como dos comediantes João Pimenta e Tiago Souza, e o show Covers de Sábado à Noite. Ao todo, foram mais de 5.851 espectadores.

Cursos e oficinas – Entre as ações contínuas da Secult está a oferta de cursos e oficinas culturais e esportivas em diferentes equipamentos. Este ano, foram atendidos 5.202 alunos na Cidade do Saber, Pracinhas da Cultura, Barracão Cultural Idalva Alves de Souza, em Arembepe, e centros culturais Vila de Abrantes e Barra do Pojuca. Neste último, além dos cursos ofertados pela pasta, 60 crianças e adolescentes foram contemplados através do projeto Tocar & Encantar, com aulas de violão e flauta doce.

Em 2023, a secretaria adotou como tema anual: “Juntos por uma educação cultural, inclusiva e plural”. A temática foi trabalhada pelos professores nas aulas e norteou as demais ações da Secult.

Subprogramas – Gerido através do subprograma Camaçari nos Trilhos da Memória, o Museu de Camassary já recebeu 3.200 visitas espontâneas, além das visitas de grupos, sobretudo de instituições escolares. O equipamento tem divulgado a história e o patrimônio cultural do município, além de abrigar exposições como Mulheres – Histórias Cotidianas, Camassary Tradições Indígenas e 1 Ano de Muita História.

Por meio do subprograma Camaçari Tem Cena, inúmeras ações foram promovidas, como os projetos Cine em Cena, Das Telas às Imagens – Identidade Cultural Por Cada Um de Nós, Café Concerto, Sexta da Música e Vozes Negras, além de uma programação especial em celebração ao Abril da Dança, e oficina de xilogravura.

Através do subprograma Vamos Ler Camaçari, a Biblioteca Pública Municipal Jorge Amado foi reaberta em novo local. O equipamento, anteriormente situado no complexo Cidade do Saber, passou a funcionar na Praça Abrantes, onde antes abrigava a Biblioteca Infantojuvenil, local que recebeu obras de requalificação para ofertar melhor serviço ao público. Também foi promovida a Semana Monteiro Lobato, o evento BA x VI da Literatura Infantil, celebração ao Dia do Folclore, atividades da Semana das Crianças, e o Projeto Conte Sua História.

Por meio do subprograma Camaçari Nova Cultura, foi realizada a reformulação do Portal da Secult, que ganhou novo layout (disposição dos elementos visuais na página) e mais funcionalidades, aproximando ainda mais a população dos serviços da pasta, melhorando a acessibilidade e dando mais transparência às informações. O Mapa Cultural de Camaçari também foi remodelado, tendo novo layout mais intuitivo para facilitar o acesso e a usabilidade.

O Laboratório de Tecnologia de Camaçari (LABTEC) realizou oficina de Robótica com Lego, e minicursos de Modelagem e Impressão 3D, totalizando 55 alunos, além de promover palestra sobre energias renováveis e exposição de projetos maker, atingindo 2.710 pessoas. Em 2023, o Museu de Ciência e Tecnologia UNICA – Universo da Criança e do Adolescente, recebeu 2.413 visitantes, o que significa um aumento de 31% em relação a 2022.

Demais ações – Em outubro de 2023, foi realizada a VI Conferência Municipal de Cultura de Camaçari, que teve como tema: “Democracia e Direito à Cultura em Camaçari” e reuniu agentes culturais e cidadãos interessados em discutir a temática, além de eleger os delegados que representaram o município nas conferências Territorial e Estadual de Cultura da Bahia.

Para fomentar a prática de atividades culturais, a Secult realizou a entrega de kits de fardamento para alunos de balé clássico, balé que dança, futsal e violino desenvolvidos entre a Pracinhas da Cultura e os centros culturais Barra do Pojuca e Vila de Abrantes.

Promovendo a descentralização das ações, o Projeto Secult Itinerante levou serviços da pasta para Vila de Abrantes, Barra do Pojuca e Arembepe. Em 2023, a secretaria foi destaque de boas práticas culturais no Território Metropolitano de Salvador (TMS). O município pôde apresentar os indicadores positivos durante o Encontro de Dirigentes Municipais de Cultura do TMS, realizado na cidade de São Francisco do Conde, em agosto. (PMC)

Siga Bahia Política  no Facebook  , no Twitter e também  no Instagram. Faça parte do nosso grupo no WhatsApp se preferir entre em nosso canal no Telegram.