24 de fevereiro de 2024

Bahia Política

Sem meias verdades

Veiga e Gómez garantem vitória do Palmeiras na Libertadores

Graças a gols de Raphael Veiga e Gustavo Gómez, o Palmeiras derrotou o Barcelona de Guayaquil (Equador) por 2 a 0, na noite desta quarta-feira (3) no estádio Monumental, em Guayaquil, para voltar a ficar em situação confortável no Grupo C da Copa Libertadores.

Com estes três pontos o Verdão ficou na vice-liderança da chave com o total de seis, a mesma pontuação do líder Bolívar (Bolívia), que goleou o Cerro Porteño (Paraguai) por 4 a 0. A equipe paraguaia é a lanterna do grupo, com os mesmos três pontos do terceiro colocado Barcelona.

Apesar de ficar com a vitória final, o Palmeiras começou a partida com problemas diante de Barcelona, que logo criou perigo com Ortíz e Agustín Rodríguez. Mas, com o passar do tempo, o time comandado por Abel Ferreira administrou a pressão e abriu o placar, já aos nos acréscimos do primeiro tempo, em cobrança de pênalti, com muita categoria, de Raphael Veiga.

Se na etapa inicial o Verdão teve dificuldades, no segundo tempo precisou de apenas um minuto para ampliar o marcador. Raphael Veiga cobrou escanteio e o paraguaio Gustavo Gómez conferiu de cabeça.

Igor Gomes salva o Galo

Já o Atlético-MG derrotou o Alianza Lima (Peru) por 2 a 0 com dois gols do meio-campista Igor Gomes para continuar vivo no Grupo G. Após a vitória, o Galo assumiu a terceira posição da chave com três pontos, um a menos do que os peruanos, que estão na vice-liderança, e do líder Athletico-PR, que visita o lanterna Libertad (Paraguai) na próxima quinta-feira (4).

O Atlético-MG teve a oportunidade de sair em vantagem no primeiro tempo, mas o goleiro Ángelo Campo defendeu cobrança de pênalti do atacante Hulk. Assim, a vitória do Galo foi confirmada apenas na etapa final com os dois gols de Igor Gomes.

Inter empata em Porto Alegre

Em pleno Beira Rio o Internacional viu o Nacional (Uruguai) arrancar um empate de 2 a 2 com um gol do zagueiro Noguera aos 45 minutos da etapa final.

Jogando na condição de mandante, o Colorado abriu o placar logo aos 10 minutos de bola rolando. Wanderson cobrou escanteio e o argentino Mercado venceu a marcação para marcar de cabeça. Mas, aos 37 do primeiro tempo, o meio-campista Zabala fez bela jogada individual para deixar tudo igual.

Após o intervalo, aos 36 minutos, o técnico Mano Menezes colocou em campo o centroavante Lucca. E o garoto precisou de apenas um minuto para ser decisivo, pois cruzou para o uruguaio Carlos de Pena voltar a colocar o Inter em vantagem. Porém, o time brasileiro acabou sendo punido no final, quando o zagueiro Noguera deu números finais ao placar.

Após este resultado o Colorado permanece na vice-liderança do Grupo B, com cinco pontos, atrás justamente do Nacional, que tem sete pontos.

Fonte: Agência Brasil