27 de fevereiro de 2024

Bahia Política

Sem meias verdades

Brasil cai 10 posições em ranking que mede a corrupção

Foto: Mauro Pimentel/AFP

O Brasil caiu 10 posições no Índice de Percepção da Corrupção (IPC) de 2023 e ficou em 104º lugar, com 36 pontos. O levantamento foi divulgado nesta terça-feira (30/1) pela entidade Transparência Internacional.

O IPC mede como especialistas e empresários enxergam a integridade do setor público nos 180 países pesquisados. A nota vai de zero a 100, onde zero significa “altamente corrupto” e 100 significa “muito íntegro”.

Dessa forma, quanto maior a posição do país no ranking do IPC, menos corrupto ele será considerado. Atualmente, o Brasil ficou com a mesma pontuação de nações como Argélia, da Sérvia e da Ucrânia.

Entre os países das Américas, o Brasil ficou atrás, por exemplo, de Uruguai (76 pontos), Chile (66 pontos), Cuba (42 pontos) e Argentina (37 pontos).

Faça parte do nosso grupo no WhatsApp (Clique aqui)

O país mais bem classificado no ranking foi a Dinamarca, com 90 pontos. A Somália recebeu a menor pontuação, com 11 pontos.

Brasil nos anos anteriores

No ano anterior, em 2022, o Brasil havia ficado com dois pontos a mais e fechado o ranking na 94ª posição. O respectivo número ainda é menor do que a média global, que está em 43 pontos.

Esta é a segunda pior pontuação recebida pelo Brasil desde que o índice é calculado. Nos anos de 2018 e 2019 o país recebeu apenas 35 pontos.

Siga Bahia Política  no Facebook  , no Twitter e também  no Instagram. Faça parte do nosso grupo no WhatsApp se preferir entre em nosso canal no Telegram.